Vontade de apenas admirar o pôr do sol

29 abr

E você não soube explicar o que tinha acontecido, enquanto Manoel Tabosa empurrava a canoa como uma gondola veneziana para atravessar o braço de mar que nos levava para Maria Farinha. Itamaracá é linda, não sei porque tens que procurar um lugar tão mais distante, não te bastas as praias que visitamos ontem, João, perguntou-a com ar de brava. Depois dela falar tantas e ele escutar mais um pouquinho, ele levantou a cabeça, respirou e disse, Estamos caminhando na vida meu amor, estamos procurando novas aventuras, não posso querer sempre as mesmas coisas. João, existe dois tipos de homem nesse mundo, ela retrucou, Aqueles que podem conviver em paz e sentar num final de tarde e admirar o pôr do sol e aqueles que não. Você precisa de alguém para seguir essa viagem, eu apenas queria sentar ao teu lado e compartilhar os momentos bons que tivemos. Você sempre quis mais de mim, algo que eu não podia te dar e eu só tenho minha serenidade e meu amor por ti. Você não se contenta com isso, terminou o discurso já chorosa. Ele segurou a mão dela e disse, Minhas aventuras só teriam graça se fossem contigo. Nessa hora ele se levantou e tomou o remo das mãos de Manoel Tabosa freiando o barco. Está na hora de voltarmos, já vivemos muitas aventuras senhor Manoel, disse alto. Ele sorriu, um sorriso como a tanto não dera, ele queria fazer feliz a mulher que o amava.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: