Resumos

16 jan

Olhei atento para aqueles 15 minutos intensos de fogos, cada estalar de alegria, cada efeito magnífico que transformava as nossas mentes. Pensei em tantos momentos como aquele. Lembrei do choro de 2007, a felicidade por aquele ano ter acabado. Lembro da alma lavada em 2010, por ter reconquistado aquilo que não acreditava mais, Eu.

2011 foi perfeito. Todas as coisas boas que poderiam ter acontecido aconteceram, as melhores sensações, descobri novos amigos, aprendi a amar mais, a chorar mais e a me respeitar mais.

Todavia, ultimamente tenho tido menos vontade de escrever, contar histórias, o velho surrealismo fantástico está gritando menos na minha alma. A vontade de clamar, de contar uma história com uma outra visão se perdeu. Acho que muito pelas interpretações, pelos juízos de valores. Era tão bom quando amigos curiosos vinham me perguntar sobre o que eu falava, ou eu tinha para quem contar tudo aquilo.

Talvez por isso, escrevi menos nesse ano que passou…

Não estou triste, muito pelo contrário, ando muito feliz, realizando meus sonhos, descobrindo um novo caminho a seguir.

Lembro que nos últimos dias de 2011 alguém me parou e falou, Rodrigo, tudo bom? Não está me reconhecendo? Eu, logo falei, que sim, estava lembrado, e ela completou, Você mudou, não é mais aquele moço tão certinho, todo engomadinho, com cara de menino bom, está muito diferente! Eu sorri e agradeci as palavras, mas ainda me vejo um pouco assim, vivendo  um sonho bom, mas, não sou perfeito.

Feliz 2012!

um certo Capitão do velho submarino amarelo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: