Domingo

18 jul

Acordei como de costume por volta de meio dia, mas tem dias que acordo mais cedo ou mais tarde. Hoje, acordei meio dia e trinta e oito.

Você levanta, olha em volta do seu quarto, reconhece tudo… mas nem tudo é tão normal. Hoje você acordou só, ninguém em casa, ninguém ao seu lado. O bule ainda tem café quente, sinal que alguém passou por ali. Uma caneca cheia, 14 gotas de adoçante e um pãozinho tostado com manteiga. Um pão passado, já diríamos em tempos de Colégio, quando não tínhamos dinheiro para pedir um hambunguer ou misto quente. Eu gostava mais das frituras.

Liguei a TV e ainda passava os noticiários esportivos. Meu time joga hoje… queria poder estar no estádio hoje. Vou torcer mais tarde para meu time ganhar, mas o mundo não acaba com qualquer resultado inesperado!

Ainda quero dar uma volta mais tarde, antes das pessoas voltarem para casa, ficar só ainda é uma boa nos domingos tristes que passam por aqui.

texto escrito em domingo, 7 de junho de 2009.
Abraços,
o velho Capitão do Submarino Amarelo
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: